Mulheres no Jornalismo Esportivo Brasileiro: Histórias e Desafios Atuais

Publicado em Pesquisa Científica Jor

O objetivo deste trabalho foi pesquisar sobre os fatores que levam o jornalismo esportivo brasileiro a ser um meio predominantemente masculino e entender por que existem poucas mulheres atuando nesta área.

Foi contada, de maneira breve, a história do jornalismo no Brasil e no mundo, a fim de mostrar as transformações ocorridas na imprensa ao longo dos séculos, além de apresentar como surgiu a editoria de esportes. Esta pesquisa também teve como objetivo o resgate da história da atuação feminina no jornalismo esportivo. O trabalho procurou mostrar o aumento da presença feminina nesta editoria a nível nacional. Nele, foram apresentadas entrevistas com jornalistas esportivas que contaram sobre o dia a dia de sua profissão - e os desafios pelos quais elas passaram ao longo de sua carreira pelo fato de serem minoria em sua área de atuação -, e que também propuseram soluções para que as mulheres tenham cada vez mais espaço na mídia esportiva. Os métodos utilizados neste trabalho são: a pesquisa bibliográfica e entrevistas em profundidade, a fim de obter dados de fontes confiáveis e informações que mostrem a realidade da profissão de jornalistas esportivas. As pesquisas, bem como as entrevistas, estão em andamento.

Orientador(a): Rafael Martins dos Reis

Aluno(s): ALISSON H. DOS S. ALMEIDA, LAIS CANGUSSU DA COSTA